Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2014

Acerca da Saudade

E se eu falar sobre a saudade, qual tom teria? E se eu falar sobre a saudade com fundo musical, qual cor seria? E se eu falar sobre a saudade ao pensar nos teus olhos, o quão distante isso seria? E se eu falar sobre a saudade sem pensar no acaso, o quão real isso seria? E se eu falar sobre a saudade sem me questionar Será que Aí então Eu fugiria. Fugiria para perto de tudo aquilo que me faz Ter saudade De tudo o que Tenho Saudades !
você.

Divagações

O que fazes, mulher, quando deitas nas noites de um verão qualquer? 
O que pensas, mulher, quando derramas sob meu peito teus gritos sem eco e tuas palavras sem som? 
Que pensas quando não pensas
Que pensar já é algo tão além das nossas forças
Enquanto misturo desejo e mistério
Junto de ti.
Deitar-me-ei
E junto do teu corpoema
Descansarei de mais um dia
Docediamargo
Ao tentar desvendar cada gesto em teu olhar misterioso-ingênuo
(Em vão).