Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2013

As Sem Faces Do Poeta Moderno

O poeta moderno
Acha que é o Pessoa do Séc. XXI
Melancólico e profundo
Emergido em suas tecnologias.
Ao invés de Tabacaria
Por que não Starbucks?
O poeta moderno
Acha que é o Drummond do Séc. XXI
Emergido em amores passageiros.
Ao invés de Quadrilha
Por que não "em um relacionamento enrolado..."?
O poeta moderno
Esquece que para ser poeta
Tem que se lembrar sempre de ser
Mergulhar no seu mais profundo eu
E procurar se encontrar.
O poeta moderno tem que ser ele mesmo
Humilde
Descalço
Despido
Procurando ser o poeta moderno
Mais moderno
Que os modernos modernistas.
O poeta moderno sou eu
É você
E você
E todos vocês
Que têm a capacidade de transformar
Toda uma vida
Em poesia.